PRF e MTB fiscalizam transporte irregular de trabalhador

0

(Foto: Ascom PRF)

Na manhã de hoje, 19, no trecho sul da BR 101 (SE), ocorreu a segunda operação conjunta entre a Polícia Rodoviária Federal e o Ministério do Trabalho e Emprego, com foco no combate ao transporte irregular de trabalhadores rurais em Sergipe. Alguns ônibus e caminhões foram flagrados entre os municípios de Umbaúba e Cristinápolis, transportando homens do campo sem os devidos cuidados com a segurança. Proprietários destes veículos e condutores foram autuados com base no Código de Trânsito Brasileiro e na Lei 5889/73, combinada com a NR-31, da Port nº 86/2005.

Um fato que chamou a atenção foi a falta de cooperação dos trabalhadores no sentido de prestar maiores informações sobre seus empregadores e sobre as condições de trabalho a que estão submetidos.

“A sensação é que que a ação fiscalizatória não é reconhecida por todos como um trabalho em prol da dignidade do trabalhador. Seja por desinformação, necessidade ou por medo de perder o trabalho, algumas pessoas sujeitam-se a situações de risco ou indignas, declarou Queiroz Souza, assessor de comunicação da PRF”.

Os trabalhadores não quiseram gravar entrevista. Contudo alguns deles, entre os quase 100 identificados pela equipe na ação, disseram que fariam a coleta de laranjas na região e que receberiam em torno de R$ 1,20 por caixa (peso aproximado de 28 Kg), o que representa, em média, uma arrecadação diária R$35,00. O valor pago pela caixa é sazonal e varia de acordo com a quantidade de frutos por planta. A identificação e responsabilização de arregimentadores e proprietários será o próximo passo das futuras operações previstas neste ano de 2014.

Fonte: Ascom PRF

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais