Princípio de incêndio é registrado no Presídio de São Cristóvão

A ocorrência foi registrada na manhã desta quarta-feira, 27 (Foto: CBMSE)

Funcionários e presidiários do Complexo Penitenciário Manoel Carvalho Neto (Copemcan), em São Cristóvão, precisaram de atendimento médico após um princípio de incêndio. O caso ocorreu na manhã desta quarta-feira, 27,  no ar-condicionado da farmácia do presídio.

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE), as equipes foram acionadas para atender a ocorrência de princípio de incêndio no presídio.

“Me deparei com um incêndio no ar-condicionado da farmácia e de imediato acionamos o Corpo de Bombeiros, que chegou rápido para dar apoio tanto na questão do incêndio quanto no atendimento aos internos e policiais”, explicou Emerson Freire, diretor do Copemcan.

De acordo com o tenente Diogo Acrux, responsável pela ocorrência, os funcionários já haviam controlado as chamas com extintores quando os bombeiros chegaram ao local. Entretanto, devido a inflação da fumaça, funcionários e presidiários precisaram de atendimento médico.

Diante da situação, as equipes realizaram os primeiros socorros e acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

 

Com informações do CBMSE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais