Programa busca estimular desenvolvimento de dez municípios sergipanos

A iniciativa, chamada de Cidade Empreendedora, busca melhorar o ambiente de negócios. (Foto: Sebrae)

O Sebrae está colocando em prática um programa para apoiar a transformação econômica dos municípios por meio da implantação de políticas de desenvolvimento em eixos considerados prioritários pelos gestores públicos locais. A iniciativa, chamada de Cidade Empreendedora, busca melhorar o ambiente de negócios, a criação e fortalecimento de políticas públicas, além de fomentar o empreendedorismo e promover a competitividade empresarial.

A ideia é que por meio da integração entre a gestão pública e os pequenos negócios possa ser criado um ambiente de oportunidades para estimular a economia local e desenvolver os municípios. O programa inclui 28 soluções, organizadas em seis eixos de atuação e voltadas para direcionar, acelerar e sustentar o processo de desenvolvimento socioeconômico local. São trabalhados aspectos como engajamento e qualificação de servidores públicos, identificação e capacitação de lideranças locais, desburocratização do ambiente de negócios, criação de salas do empreendedor, estímulo às compras governamentais e disseminação do empreendedorismo nas escolas da rede pública. Além dessas ações, cada município também tem à disposição soluções opcionais como a elaboração do plano municipal de turismo, preparação dos agricultores familiares para participação em processos licitatórios e rodadas de crédito para os empreendedores locais.

“O que estamos buscando é, ao lado das prefeituras, construir uma rede de apoio aos pequenos negócios locais, permitindo que eles tenham um ambiente favorável para o seu crescimento. É por meio do estímulo aos empreendedores que podemos viabilizar o desenvolvimento das cidades, viabilizando a criação de novas empresas e o fortalecimento daquelas que lá atuam e a geração de empregos”, explica o superintendente do Sebrae em Sergipe, Paulo do Eirado.

Como funciona

Em Sergipe, estão sendo atendidos pelo programa os municípios de Nossa Senhora da Glória, Barra dos Coqueiros, Moita Bonita, Campo do Brito, Indiaroba, Simão Dias, Itabaianinha, São Cristóvão, Canindé de São Francisco e Monte Alegre. Cada município escolhe as soluções de acordo com suas necessidades, particularidades e vocações. A adesão ao programa é feita por meio de contrato com duração de curto, médio ou longo prazos, dependendo das intervenções selecionadas.

Na Barra dos Coqueiros, cuja adesão foi realizada no último da 22 de julho, serão trabalhados os seis eixos do programa. “Por meio dessa parceria encontraremos o melhor caminho para garantir emprego e renda para a população. O município só cresce a cada dia. A Barra é o futuro do estado e estamos trabalhando para elevar a cidade rumo ao desenvolvimento”, ressalta o prefeito Alberto Macedo.

Depois da mobilização junto aos gestores públicos, o Sebrae dá início agora à apresentação do programa aos empreendedores locais. Para isso, serão realizadas nos meses de agosto, setembro e outubro caravanas em cada uma das dez cidades. Nesses locais, durante dois dias, serão divulgadas as ações previstas no Cidade Empreendedora e um mutirão para oferecer atendimento, orientações e consultorias, totalmente gratuitos.

As atividades começam nos dias 25 e 26 de agosto em Simão Dias. Já nos dias 30 e 31 é a vez de Nossa Senhora da Glória receber a comitiva do Sebrae.

Fonte: Ascom/Sebrae

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais