Promotores pedem anulação de concurso da Semed

0

 
Promotor Luis Fausto Valois
O Ministério Público Estadual (MPE) ingressou com ação pedindo a anulação do concurso público da Secretaria Municipal de Educação (Semed). De acordo com o promotor Fausto Valois houve quebra de princípios como a isonomia entre os candidatos. “O MPE pediu que o concurso seja liminarmente suspenso”, explicou.

 

A ação, de autoria dos promotores Fausto Valois, Alexandro Sampaio Santana e Etélio de Carvalho Prado Júnior, foi movida a partir de reclamações dos candidatos, que se sentiram prejudicados. Cerca de 150 pessoas abandonaram a prova de professor de educação infantil, porque teriam recebido um gabarito diferente da prova que respondia.

Decisão

No final da tarde de segunda-feira, 25, a PMA divulgou noto em que esclarece que “não vê necessidade em anular o último concurso público”. E explicou que “o fator determinante para a não anulação se constitui no prejuízo que seria causado aos cidadãos aracajuanos com a interrupção da prestação do serviço público de educação aos alunos da rede municipal de ensino da Educação Infantil à 4ª série”.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais