Propaganda de bebida alcoólica poderá ter novas regras

0

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) promoverá hoje, 4, audiência pública para debater o texto final da resolução que prevê normas mais rígidas para as propagandas de bebidas alcoólicas. Com a regulamentação, de acordo com agência, o consumidor terá acesso a informações claras sobre os produtos e essa será mais uma forma de reduzir o uso de álcool no país.

Segundo a resolução, as propagandas de bebidas com teor alcoólico a partir de 0,5 grau (Gay Lussac), entre elas as cervejas, estarão proibidas de apresentar cena, ilustração, áudio e vídeo com o consumo do produto. Elas também não poderão associar a bebida a estereótipos de sucesso e integração social, utilizar material gráfico e audiovisual relacionado ao mundo infantil, e estimular comportamentos nocivos à saúde e segurança.

Já os comerciais de conhaques, cachaças e uísques – ou seja, bebidas com teor acima de 13 graus – serão impedidos de associar prática de esportes, festas e condução de veículos à ingestão do produto. Também não poderão utilizar palavras imperativas, como “experimente”, “beba” ou “tome”. A publicidade desse tipo de bebida só poderá ser veiculada entre 21 horas e 6 horas nas emissoras de rádio e televisão.

O Brasil está entre os países que mais consomem álcool no planeta, conforme a Organização Mundial de Saúde (OMS). Levantamento feito pela Secretaria Nacional Antidrogas (Senad), em 2005, revelou que 12,3% das pessoas na faixa de 12 a 65 anos de idade apresentam dependência a alguma bebida alcoólica. A pesquisa foi realizada nas 108 cidades do país com população superior a 200 mil habitantes.

Fonte: Agência Brasil


 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais