Quadrilhas agem em caixas eletrônicos

0

Quadrilhas agem em caixas eletrônicos e fazem vítimas (Foto: Arquivo Portal Infonet)
Neste final de semana, um idoso, de 72 anos, foi até um caixa eletrônico localizado em uma área nobre da capital sergipana e em poucos minutos caiu em um golpe e teve um prejuízo de mais de R$ 10 mil. O caso foi registrado na Delegacia Plantonista na tarde do último sábado, 13.

De acordo com o relato de M.O, a ida ao caixa eletrônico era para conferir um extrato da conta corrente. Quando já estava realizando a operação bancária, um homem ainda não identificado pediu uma caneta. O idoso conta que na hora em que virou para dizer que não tinha o objeto, outro homem, se passando por funcionário do banco ofereceu ajuda.

M.O relata que o falso funcionário passou a ajudá-lo e solicitou que informações como senha de letras e números fossem digitadas na tela. Somente quando chegou a casa cerca de uma hora após o fato, a vítima verificou que os bandidos tinha trocado o cartão.

A polícia prendeu três homens acusados de golpes a idosos
Prejuízo

O idoso entrou em contato com o banco para pedir o bloqueio, mas ficou sabendo que R$1 mil já haviam sido retirados da sua conta e a dupla tinha efetuado compras no valor de R$10 mil.

A polícia já investiga o caso e deverá pedir as imagens do circuito de segurança para fazer a identificação dos bandidos.

Quadrilha

Essa semana o Portal Infonet trouxe uma reportagem sobre a prisão de uma quadrilha especializada em golpes a clientes idosos em caixas eletrônicos. Na ocasião a delegada do Departamento de Defraudações e Combate à Pirataria (DEFD), Viviane Pessoa, alertou aos clientes que desconfiem da ajuda de pessoas estranhas. “Nenhum funcionário de banco vai pedir a sua senha”, observa.

A delegada que prendeu três homens, deixou claro que a quadrilha era composta de mais dois suspeitos que estavam foragidos.

Por Kátia Susanna

Comentários