Quatro pessoas são presas em Operação Angico

0

O delegado Jonathas Evangelista Foto:Portal Infonet
A Operação Angico que foi realizada na manhã desta terça-feira, 2, cumpriu vários mandados de busca e apreensão e conseguiu prender quatro pessoas acusadas de trafico de drogas e roubo.

“A operação teve como objetivo cumprir mandados de busca e apreensão envolvendo repressão ao tráfico de drogas, roubo de gado, produtos contrabandeados e principalmente pegar denúncias da comunidade e mapear as áreas que tem mais ocorrências para poder atuar com o policiamento ostensivo”, explica o coordenador de operações da Polícia Civil de Sergipe, Jonathas de Oliveira Evangelista.

Participaram da operação nesta terça cerca de 50 integrantes de unidades especializadas da Polícia Civil e da Polícia Militar, que percorreram os municípios de Carira, Pião, Ribeirópolis, Frei Paulo, Glória, Monte Alegre, Aparecida, Porto da Folha, Poço Redondo e Canindé do São Francisco. Nos próximos dias os policias continuarão atuando com o objetivo de cumprir novos mandados de busca e apreensão.

A suspeita da polícia é que a carga seja de produtos roubados Foto:Portal Infonet
“Entre os municípios de Pinhão e Nossa Senhora da Glória conseguimos prender quatro pessoas envolvidas com crimes como tráfico de drogas e roubos”, conta o delegado Jonathas.

Em Pinhão e Frei Paulo, por exemplo, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão nas propriedades de José Santos Oliveira, conhecido como ‘Naldinho’. “Naldinho foi morto em uma chacina em outubro de 2009, em Itaporanga D’Ajuda, por inimigos, devido a crimes nos quais estaria envolvido. Na casa dele em Frei Paulo encontramos uma grande quantidade de medicamentos de procedência duvidosa, possivelmente roubados”, salientou o delegado.

Numa fazenda de Naldinho, localizada às margens da rodovia Rota do Sertão, entre os municípios de Ribeirópolis e Nossa Senhora Aparecida, as equipes cumpriram outro mandado. “Encontramos lá cerca de 700 pneus de carro, trator, e caminhão, além de um revólver calibre 38 e munições.

Cada pneu de caminhão está avaliado em cerca de R$5 mil Foto:Portal Infonet
Acreditamos que esses locais eram esconderijos de materiais ilícitos”, reforçou Jonathas, que é coordenador de operações da Coordenadoria da Polícia Civil do Interior (Copci).

Os policiais também cumpriram um mandado de prisão preventiva contra Ivanilson dos Santos Lima, de 27 anos, conhecido como ‘Barrão’, que é acusado de invadir uma fazenda em Pinhão, no último dia 14, junto com três comparsas, e levar diversos objetos.

Por Kátia Susanna

Comentários