RAC Movimenta Mercado Cultural Sergipano

0

A Rede de Agentes Culturais (RAC) atua em todo o Brasil através do Programa Empreendedor Cultural do Sistema Sebrae. A RAC é um movimento livre e aberto, em constante aperfeiçoamento e transformação e visa a criação de um mercado cultural ético, valorizador da criatividade, parceiro, gerador de conhecimentos, trabalho, renda e qualidade de vida. Em Sergipe, a Rede já existe em Aracaju e nos municípios de Laranjeiras, São Cristóvão e N. Sra. do Socorro, com a tendência e intenção de se espalhar por outros municípios. Neste ano, o principal projeto é a movimentação dos mercados Thales Ferraz e Antônio Franco, pois com isso todos os núcleos poderão estar reunidos num único objetivo, possibilitando o trabalho em conjunto e a exposição da riqueza cultural do nosso Estado, como o folclore, a música, a dança, o teatro, a culinária, entre tantos outros. O Núcleo de Música já tem um projeto para este ano chamado Miscelânea Musical, no qual os artistas pretendem levar música aos mais diferentes espaços de Aracaju. Outros núcleos, como o de Elaboração de Projetos, também está se reunindo constantemente a fim de dar suporte técnico aos outros núcleos da Rede. Nesta segunda (30), acontece a VII Reunião da Rede de Agentes Culturais – SE, no Espaço Sebrae Multieventos, às 19h e será ministrada por Ivaldo Gomes, técnico e consultor do escritório de Engenharia Cultural Fernando Portela, que irá esclarecer dúvidas e aprofundar discussões. Para a abertura e encerramento da reunião foram convidados um trio pé de serra e José Antônio dos Santos, articulador do Núcleo de Literatura de Cordel. A reunião é aberta ao público interessado.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais