Reunião pode definir rumos da greve da SRT que já dura sete dias

0

Greve teve início no último dia 6
Uma reunião em Brasília marcada para às 18h desta terça-feira, 13, pode definir os rumos da greve dos servidores do Ministério do Trabalho e Emprego, iniciada no último dia 6 de abril em várias partes do país. Em Sergipe, são 108 servidores da Superintendência Regional do Trabalho (SRT) e a adesão ao movimento chega aos 80%. A categoria luta pela aprovação do Plano de Cargos e Carreira Específico e por melhores condições de trabalho.

Segundo Adailson da Silva Santos, representante da diretoria do Sindicato dos Previdenciários (Sindiprev), a reunião desta terça será no Ministério do Planejamento, com a participação de vários sindicalistas [inclusive de Sergipe] e de integrantes do Governo Federal. “Somente após esse encontro em Brasília

Adailson da Silva
é que vamos convocar a categoria para uma assembléia e deliberar os rumos do movimento”, destaca Adailson da Silva.

Com a greve que completa sete dias nesta terça, 13, cerca de 400 a 500 pessoas estão deixando de ser atendidas somente em Aracaju e em todo o Estado de Sergipe, cerca de 800 a 900 pessoas que precisam dos serviços oferecidos pela Superintendência Regional do Trabalho, a exemplo da emissão da Carteira Profissional e do pagamento do Seguro Desemprego.

Por Aldaci de Souza

Comentários