Reviver: Contrato não pode ser renovado, diz secretário

0
Walter Lima diz que modelo a ser posto está sendo discutido (Fotos: Portal Infonet)

O secretário de Estado da Justiça e Cidadania (Sejuc), Walter Lima informou à imprensa neste domingo, dia 18, que o contrato com a Empresa Reviver, que administra na modalidade de cogestão com o Estado de Sergipe o Complexo Penitenciário Advogado Antônio Jacinto Filho (Compajaf), não poderá ser renovado [contrato acaba em dezembro].

Ainda segundo Walter Lima, o modelo de gerenciamento no presídio do bairro Santa Maria, está sendo analisado. “O contrato da Reviver está no período excepcional, nós não vamos poder mais renová-lo. Quanto ao modelo a ser posto em funcionamento, está sendo discutido ainda no âmbito do governo. Vai manter o sistema desse presídio terceirizado ou vamos abrir concurso público? isso está sendo avaliado”, afirma o secretário.

Aparte

O presidente do Sindicato dos Agentes Disciplinares Penitenciários de Sergipe (Sintradispen/SE), Antônio Luiz Oliveira, informou que os agentes disciplinares estão inseguros.

O presidente do Sintradispen, Antônio Luiz Oliveira diz que agentes estão inseguros

“A gente fica exposto e mais uma vez estamos passando por este problema já avisado a direção do Compajaf e a empresa Reviver. No contrato entre Sejuc e Reviver pede que toda vez que a gente for abrir e fechar o pavilhão ou acompanhar interno, tem que ter um agente do Desipe nos acompanhando.  No começo se fazia essa parte, mas agora não se está fazendo mais. também tem que se acabar esse procedimento de banho de sol no dia de visita”, lamenta.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários