SE: 128 mil beneficiários do INSS precisam fazer a prova de vida

0
Prova de vida do INSS será retomada dia 1º de junho (Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil)

Os aposentados e pensionistas devem fazer a prova de vida no Instituto Nacional de Previdência Social (INSS), a partir desta terça-feira, 1º de junho, para garantir que seu benefício não seja bloqueado. Em Sergipe, de acordo com o órgão,  mais de 128 mil beneficiários devem fazer a comprovação.

A prova de vida anual é um procedimento legal para evitar fraudes e pagamentos indevido de pensões e benefícios no INSS, e deve ser feita anualmente. Em 2021, segundo o órgão, 93.097 pessoas já fizeram a prova de vida em Sergipe, e em 2020 foram feitas 149.734. Estão pendentes de atualização 128.282 aposentados e pensionistas sergipanos, que terão seus benefícios bloqueados caso não façam o procedimento.

Todos os pensionistas e aposentados que recebem benefícios por meio de conta corrente, poupança ou cartão magnético devem fazer a prova de vida. Para saber se precisa fazer o procedimento, os beneficiários devem acessar o Meu gov.br ou Meu INSS, pelo aplicativo ou no site (gov.br/meuinss) ou, ainda, pelas agências bancárias que oferecem o serviço.

A prova de vida pode ser facial, feita pelo aplicativo do INSS, ou pessoalmente na agência bancária em que o benefício é pago com um documento original com foto. O aposentado ou pensionista deve comparecer a agência no mês em que realizou a última prova de vida no ano anterior. Confira o calendário:

Calendário para fazer a prova de vida do INSS (Foto: INSS)

Para as pessoas que não podem ir ao banco, a prova de vida pode ser a facial ou através de um procurador para quem tem dificuldades de locomoção ou por motivo de doença. Mas, para isso, é preciso que a procuração seja cadastrada no INSS.

Não havendo a prova de vida, os benefícios ficam bloqueados até que os beneficiários compareçam a uma agência para fazer a comprovação.

Por Karla Pinheiro

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais