Semarh investe no monitoramento do clima

0

Pluviômetros vão dar mais precisão às informações sobre o clima (Foto: Ascom/Semarh)
O Governo do Estado de Sergipe, através da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), investiu cerca de 300 mil reais na área de Meteorologia do Estado de Sergipe.  Técnicos do Centro de Meteorologia da Semarh finalizaram a instalação de 18 Telepluviômetros, que são aparelhos importados dos Estados Unidos com a função de possibilitar melhoria na qualidade do monitoramento do clima, garantindo assim maior precisão na cobertura da previsão climática e da pluviosidade.

O resultado da instalação dos telepluviômetros, de acordo com o secretário de Estado do Meio Ambiente, Genival Nunes Silva, vai garantir a segurança da população ao prevenir a ocorrência de acidentes causados por grande precipitação de chuvas. “Também vai contribuir para o aumento da economia do Estado, uma vez que o investimento na agricultura, a exemplo do plantio de grãos, é algo realizado pelos agricultores com base na leitura da previsão do tempo do Centro de Meteorologia da Semarh”.

Segundo Genival, com os telepluviômetros somados aos equipamentos que já estão em funcionamento – as 13 Plataformas de Coleta de Dados (PCD) que realizam o monitoramento do clima e tempo – o Estado passa a disponibilizar maior precisão nas informações das condições climáticas e dos recursos hídricos, e ainda oferta mais segurança na prevenção de catástrofes provocadas pelo clima. “A iniciativa produz o fortalecimento da área meteorológica, medida que faz Sergipe continuar a ser o primeiro Estado do país a ter cobertura total em tempo e clima de todos os seus municípios”, comemora o secretário.

Genival comemora ainda o fato desta estrutura de monitoramento passar a oferecer as informações on-line para uma sala de situação prestes a ser criada na Semarh para funcionar como sistema de alerta contra catástrofe naturais (cheias e secas) com antecedência suficiente para alertar os serviços de defesa civil, agricultura, Corpo de Bombeiros e prefeituras municipais. “Com o alerta, esses órgãos terão condições de tomar decisões preventivas”, frisou.

Layout

Os 18 telepluviômetros foram instalados entre as 13 Plataformas de Coletas de Dados (PCD), que são aparelhos de monitoramento do clima instalados no início de 2008 pelo Governo de Sergipe e estão situadas nos municípios de Itabaiana, Itabaianinha, Poço Verde, Poço Redondo, Carira, Aracaju, Estância, Riachão do Dantas, Propriá, Brejo Grande, Nossa Senhora da Glória e Japaratuba.

De acordo com explicações do meteorologista da Semarh, Overland Amaral, responsável pela montagem e instalação dos telepluviômetros, a estratégia da distribuição desses equipamentos buscou a interfase dos aparelhos com as plataformas requerendo unicamente a precisão de dados.

“Cada uma das plataformas já existentes tem uma média de cobertura de 30 km de uma para outra. O telepluviômetro foi inserido estrategicamente entre elas. Essa condição traz resultados muito precisos, pontuais, jamais acompanhados até hoje no Estado”, garantiu o meteorologista.

Overland explicou ainda que os telepluviômetros foram  instalados ao longo das seis bacias hidrográficas do Estado: São Francisco, Vaza Barris, Real, Japaratuba, Sergipe e Piauí. A estratégia também buscou acompanhar o monitoramento da Hidrometeorológica, ou seja, de informações da entrada ou saída de água nas bacias.

Fonte: Ascom/Semarh

Comentários