Semarh se prepara para elaborar Programa de Combate a Desertificação

0

Genival Nunes
Com a finalidade de elaborar o Programa Estadual de Combate a Desertificação e Mitigação dos Efeitos da Seca no Estado de Sergipe (PAE/SE), a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), em parceria com o Ministério do Meio Ambiente (MMA), vai contratar seis especialistas da área com vistas na construção do referido programa. A Desertificação é um processo de destruição do potencial produtivo da terra nas regiões de clima árido, semi-árido e sub-úmido seco. No dia 17 de junho é comemorado mundialmente o Combate à Desertificação e a Seca.

Recentemente gestores municipais, de instituições públicas e representantes da sociedade civil organizada de seis municípios suscetíveis à desertificação, localizados no Alto Sertão Sergipano, participaram de reunião ampliada sobre o Programa de Combate a  Desertificação e das  discussão de diretrizes a serem tomadas pelo Estado  de  Sergipe como  integrante do Pacto Nacional  de  Combate  a Desertificação e  Mitigação da  Seca. Esse cenário ocorreu no mês de  Abril deste ano, na sede administrativa do Monumento Natural Grota do Angico, em Poço Redondo. Uma iniciativa coordenada pela Superintendência de Educação e Qualidade Ambiental da Semarh (SQS).

O objetivo da reunião foi dar início ao pacto firmado por Sergipe no encontro de combate a desertificação, ocorrido durante realização do I Encontro Nacional de Combate a Desertificação (I Ened), realizado em março deste ano com a participação dos técnicos ambientais da Semarh. A agenda foi promovida pelos Ministérios do Meio Ambiente e da Integração Nacional com execução do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura – IICA. Em Sergipe todas as atividades estão sendo coordenadas pela Semarh.

Segundo o coordenador geral do Programa de Combate a Desertificação em Sergipe e superintendente de Qualidade Ambiental, Educação Ambiental e Desenvolvimento Sustentável, Lício Valério Lima, a reunião provocou um comprometimento geral de todos os representantes de órgão público do Estado e municípios, sociedade civil e empresas privadas.

“Iremos realizar a elaboração do Programa Estadual de Combate a Desertificação. O programa permitirá a socialização das estratégias entre os envolvidos, as quais atuam no semi-árido sergipano”, explicou Lício Valério enfatizando ainda que a partir desse cenário um grupo permanente será formado e que representa cada um dos envolvidos.

Segundo o secretário do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Genival Nunes, o encontro possibilitou um diálogo ampliado, com troca de informações entre grupos participantes e ainda pela oportunidade deles retratarem uma realidade comum entre os municípios do semi-árido.

“A desertificação além de tornar a região vulnerável à seca causando prejuízos diretos na agricultura e pecuária com perdas sensíveis para a economia dos locais atingidos, causa ainda desastres maiores, como o da biodiversidade, dos solos por erosão e diminuição dos recursos hídricos. Outra situação é de aspecto social, os problemas remetem ao abandono das terras pela população, a qual migra para as cidades gerando ainda aumento dos problemas ambientais e sócio-econômicos urbanos”, explicou Genival Nunes.

Em Sergipe seis municípios estão susceptíveis à desertificação. São eles: Poço Redondo, Canindé do São Francisco, Nossa Senhora da Glória, Monte Alegre, Gararu e Porto da Folha.

I Ened

Ao fazer parte do Pacto pelo Desenvolvimento Sustentável do Semiárido Brasileiro, durante realização do I Ened, realizado em março deste ano, o Governo de Sergipe, por meio da Semarh, assumiu o compromisso de construir o Plano Estadual de Combate a Desertificação e Mitigação dos Efeitos da Seca; a elaboração do Zoneamento Ecológico Econômico de todo o Estado com prioridade para a região semi-árida sergipana; a promoção de capacitação de produtores rurais, técnicos do governo, empresários e comunidade em geral, além de fortalecimento do papel do órgão gestor de meio ambiente de Sergipe.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais