Sergipe tem previsão de trovoadas até parte do mês de novembro

0
Até o dia 11 de novembro, clima deve ser de instabilidade no estado devido ao ZCAS. (Foto: Portal Infonet)

Desde a última segunda-feira, 26, Sergipe vem sentido atingido pelo fenômeno ZCAS (Zona de Convergência do Atlântico Sul), que vem atuando desde o Recôncavo da Bahia. O fenômeno causa instabilidades climáticas e as primeiras trovoadas já tem aparecido na capital sergipana.

Segundo o meteorologista Overland Amaral, a junção da umidade com as temperaturas elevadas provocam estes trovões. “Nesse período, ele sempre atua com muita intensidade desde a costa da Bahia até Sergipe, trazendo instabilidades convectivas que são as trovoadas. E as instabilidades sempre ocorrem no período de final de tarde ao começo de noite devido a dinâmica térmica que aumenta a convecção. Então, muita umidade e temperaturas elevadas foram convecções em estilo de trovoadas”, explica.

O ZCAS já tinha aparecido no sul do estado desde o último sábado, 24, mas foi na segunda-feira, 26, que passou a atingir o centro-sul de Sergipe e também no alto sertão sergipano, onde provocou chuvas intensas em cidades como Poço Redondo e outras localidades próximas. De acordo com Overland, isso é resultado do clima da região. “Isso é típico da localidade. Em função das condições de temperatura local, a instabilidade é maior, ela tem uma característica de precipitações mais intensa. Caso de Poço Redondo, que tem uma dinâmica devido ao seu relevo de aquecimento maior e consequentemente tem uma instabilidade mais dinâmica”, disse o meteorologista.

Riscos

O esperado para esse período em que o fenômeno ocorre no estado é uma forte variação entre sol e chuva. Em alguns dias, é esperado maior convecção e em outros ensolação. Por sua vez, as trovoadas podem causar riscos devido ao volume de água. “As trovoadas tem uma benesse que é o volume de água, é um grande volume e traz muito impacto. Traz enxurradas nos canais, nos córregos, rios e riachos. E isso pode trazer riscos para quem trafega naquela área. Tem outros elementos impactantes como rajadas de vento e as cargas elétricas que é impactante tanto para o ser humano quanto para os animais. Quando ocorre essas trovoadas, é bom que mantenham os animais em abrigo.”, alerta Overland.

Nestes dias em que o fenômeno ocorre, ainda há a possibilidade de chuvas de granizo em Sergipe, que caso ocorram, devem atingir as regiões mais quentes em cidades como Riachão do Dantas, Simão Dias e Poço Verde, na região sudoeste do estado ou até o alto sertão nos municípios de Glória, Poço Verde e Canindé do São Francisco.

Por Milton Filho e Aisla Vasconcelos

Comentários