Servidores da SRT paralisam atividades

0

Categoria prestou homenagem ao ex-superintendente Fernando Guedes

Cerca de 400 pessoas deixaram de ser atendidas nesta segunda-feira, 27, na Superintendência Regional do Trabalho (SRT) em Sergipe. É que os servidores aderiram à paralisação nacional reivindicando o encaminhamento do Plano de Carreira da categoria ao Congresso Nacional.

Serviços como orientação ao trabalhador empregado e desempregado, fornecimento de carteira de trabalho e previdência social, registros profissionais, recepção ao seguro-desemprego, mediação e arbitragem em negociação coletiva, conciliação de conflitos trabalhistas, entre outros, estão parados.

De acordo com o diretor de Comunicação do Sindicato dos Previdenciários (Sindiprev), Joaquim Ferreira, a paralisação será apenas nesta segunda-feira, os trabalhadores lutam para que o governo encaminhe ao Congresso Nacional, o Plano de Carreiras. “Esse plano já foi aprovado, mas até agora não foi encaminhado ao Congresso, para votação”, lamenta.

Joaquim: O Plano já foi aprovado, mas ainda não chegou ao Congresso”
Joaquim disse que, com a aprovação do plano, os servidores do Ministério do Trabalho, deverão contar com reajustes a partir de 47%. “Estamos reivindicando também o enxugamento dos cargos existentes no Ministério, a exemplo de garçons e auxiliares de portaria, criados há mais de 30 anos”, explica acrescentando que a categoria reivindica ainda a mudança de instalações, solicitada há muito tempo.

Adesão

A superintendente em exercício da SRT em Sergipe, Maria Inês Santos, informou que os servidores estão com as atividades paralisadas em quase todo o país. “Apenas Rio Grande do Norte não aderiu ao movimento. Nós fomos comunicados pelo pessoal do sindicato, de que Sergipe aderiu a paralisação e que divulgou nota aos usuários. Até agora, não temos nenhum pronunciamento do Ministério do Trabalho quanto à paralisação”, ressalta lembrando que o ato foi definido em assembléia dos trabalhadores.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais