Servidores paralisam atividades no Ceac da Rodoviária

0
Servidores paralisam atividades no Ceac da zona Oeste (Fotos: Portal Infonet)

A terça-feira, 27, foi de muito transtorno para os usuários que precisaram do serviço do Centro de Atendimento ao Cidadão (Ceac), da Rodoviária Velha, no bairro Capucho, zona Oeste da capital sergipana. Servidores do órgão paralisaram as atividades por 24h. A paralisação da categoria tem por finalidade, chamar a atenção do Governo do Estado a fim de obterem uma resposta sobre a concessão do auxílio alimentação dos trabalhadores, e cobram ainda melhores condições de trabalho.

De acordo com o auxiliar administrativo Rodrigo Paim, vários ofícios já foram enviados a Secretaria de Estado do Planejamento, por meio do Sindicato dos Trabalhadores nos Serviços Públicos do Estado (Sintrase), cobrando o pagamento de R$ 350,00 referente ao auxílio alimentação, mas até o momento nenhuma resposta foi dada aos trabalhadores. “Queremos que o secretário do Estado de Planejamento, João Augusto Gama cumpra com o que foi prometido pelo governador através dele, e conceda o nosso auxílio alimentação. Afinal de contas só queremos o que é nosso por direito na mesma proporção do que foi ofertado aos servidores do Detran”, relata.

O auxiliar administrativo Rodrigo Paim

Ainda segundo Rodrigo Paim, os servidores estão cansados da falta de segurança nas unidades do Ceac. “Já presenciamos por diversas vezes, cenas de agressão física e ameaças por parte de policiais, que não aceitam o fim da distribuição de senhas. E hoje contamos apenas com um agente que faz a segurança patrimonial”, desabafa.

Seplag

Em nota enviada ao Portal Infonet, a Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), informou que “o plano de cargos, carreiras e vencimentos (PCCV) está pronto e aprovado. Como foi acordado com o Sintrase, ele deve entrar em vigor quando o Estado sair do limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal e, para tanto, estamos aguardando a informação da Secretaria da Fazenda sobre o resultado das finanças no primeiro quadrimestre deste ano. Já o auxílio alimentação foi concedido, em negociação, apenas aos servidores do Detran, tendo em vista que estes ainda não estão sendo contemplados com o PCCV. Do ponto de vista de segurança e condições de trabalho, ficou acordado com a categoria no início mês de maio, que seriam adotadas as medidas cabíveis e já está agendada uma reunião para o dia 9 de junho, na qual serão informadas todas ações e evoluções neste sentido”.

Categoria já enviou quatro ofícios a Seplag cobrando o auxílio alimentação

Paralisação será válida somente nesta terça-feira, 27

Por Leonardo Dias e Kátiua Susanna

Comentários