Sessões vão até julho

0

Convocação extra não vai haver, mas as sessões ordinárias da Assembléia Legislativa invadem o mês de julho. A última sessão, aquela em que vão ocorrer todas as votações, vai se dar na segunda-feira, 4 de julho, por acordo entre as lideranças partidárias.

O governador João Alves Filho não queria convocação extraordinária e o presidente da Assembléia Legislativa também não. Mas aí, a ata negativa da segunda-feira atrapalhou: naquele dia, o líder do governo iria convocar reunião das comissões para a terça-feira de manhã – no caso ontem – o que não ocorreu.

O presidente do Legislativa, deputado Antônio Passos, instou os líderes partidários a entrarem em acordo sobre o final do período legislativo. Ficou acertado, então, que hoje, devido ao ponto facultativo decretado pelo governador, não poderia haver sessão. 

Quinta-feira haverá sessão normal pela manhã e a tarde as comissões temáticas se reúnem. Na segunda-feira, no horário regimental, haverá sessão para aprovação dos projetos.

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais