Sindipetro faz mobilização e promete greve

0

Clarkson diz:”Se não houver negociação vamos parar” (Fotos: Portal Infonet)
Petroleiros realizaram na manhã desta sexta-feira, 3, uma manifestação em frente a sede da Petrobrás, na rua Acre, bairro Siqueira Campos.  “Este é mais um dia de luta e mobilizações onde estamos reivindicando perdas salariais acumuladas, ganho real de 10% além da inflação e melhoria no plano de assistência médica”, ressaltou um dos dirigente do Sindicato dos Petroleiros (Sindipetro AL/SE), Clarkson Messias Araújo.

Ainda de acordo com o dirigente a Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) os sindicatos filiados protestam contra a proposta apresentada pela Petrobrás em mesa de negociação por não refletir suas necessidades. “As assembléias realizadas até o momento refletem a insatisfação dos trabalhadores com a postura da empresa”, pontua.

Categoria realizou manifestação na manhã desta sexta-feira,3
Paralização

A categoria promete parar as atividades no próximo dia 14 de setembro, caso as reivindicações não sejam atendidas por parte da empresa. “A empresa apresentou somente o IPCA como reajuste e “aumento real” de 2% na tabela da RMNR [Remuneração Mínima por Nível e Regime] e 80% de bônus de uma remuneração. Isto também prejudica os aposentados e pensionistas, uma vez que não são contemplados por remunerações variáveis. Se não houver negociação vamos parar”, alerta Clarkson.

 

 


Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais