Sistemas de prevenção marcam Dia Nacional de Combate ao Câncer

0

Hoje é Dia Nacional de Combate ao Câncer. O doutor Carlos Anselmo, responsável pelo Setor de Registro de Câncer do Centro de Oncologista do Hospital João Alves Filho chama atenção para os fatores que podem causar a doença e dá dicas de prevenção. “A estimativa para o câncer no mundo é de crescimento, caso não sejam quebradas algumas barreiras como a detecção tardia. Tratar o câncer em estado avançado tem resultados muitos ruins. O objetivo da campanha é mostrar sistemas de prevenção”, diz Carlos Anselmo. Segundo ele, na capital sergipana, o atendimento nos serviços públicos tem uma boa assistência não só no Centro de Referência da Mulher, mas também no Hospital João Alves Filho, que dá dicas de prevenção para o câncer. “A pergunta é se o câncer é genético. A gente diz que é, porque está ligado ao gen, mas a grande maioria é adquirido por contatos ambientais, físicos, biológicos. Os contatos com esses agentes podem ser evitados e diminuídos. Prevenir é o melhor remédio. As pessoas devem ter um maior cuidado com a saúde, diminuir o consumo de carne vermelha, por exemplo”, diz ele. No Estado de Sergipe, os cinco tipos de câncer mais nocivos são os do colo uterino, que pode ser completamente evitado; mama, cuja prevenção não é tão eficaz, mas a prevenção precoce deve ocorrer e pode ajudar muito; próstata; estômago e pulmão, que não é um dos primeiros em ocorrência, mas é um dos que mais mata.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais