Socorro tem mutirões de vacina e serviços da família neste sábado

0
Principal demanda foi para área cível (Fotos: Portal Infonet)

A Unidade de Saúde Josafá Mota de Souza, em Nossa Senhora do Socorro, foi o ponto de encontro de muitos socorrenses na manhã deste sábado, 18, em mais um mutirão de serviços à comunidade. Mais de 10 defensores públicos levaram serviços como orientações jurídicas para direitos da família e do consumidor, encaminhamentos para segundas vias das certidões de nascimento, casamento, óbito e RG. Pela Saúde do município, foram promovidos serviços de testes rápidos de HIV e Sífilis, aferição de pressão arterial e glicemia, orientação de saúde bucal e sexual, e campanha de vacinação contra a influenza.

Maria achou o mutirão bem mais viável que ir até o órgão

A expectativa dos organizadores é superar os 1.300 atendimentos da última edição. O mutirão começou as 8h, se estendendo até as 14h. A dona Maria Lúcia, que há 40 anos mora no município, aproveitou para resolver uma pendência de documento. “Precisava tirar a segunda via da certidão de nascimento e dei início ao processo hoje”, frisou.

O prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Padre Inaldo, destacou o papel do mutirão em comunidades mais carentes. “É uma parceria de grande importância. São serviço para uma comunidade simples, humilde, que as vezes o morador não tem nem o dinheiro da passagem para ir ao setor que realiza esses serviços”, pontuou.

Inaldo: serviços que fazem a diferença em comunidades mais simples

Entre os serviços prestados pela Defensoria Pública de Sergipe, a principal demanda foi na área cível. “Direitos da família sempre lideram a demanda. É um momento importante, em que nós saímos dos gabinetes e levamos esse atendimento para população. Hoje chegamos a ter aqui reconhecimento de paternidade. Ou seja, é um evento importante”, destacou Leó Neto Defensor Público Geral.

Por Ícaro Novaes

 

Primeiro à esquerda, Leó Neto destacou trabalho dos demais defensores
Comentários