Suspeito de liderar tráfico de drogas morre em confronto policial

Suspeito de liderar tráfico de drogas morre em confronto policial (Foto: SSP)

O suspeito de liderar o tráfico de drogas na cidade baiana de Itacaré morreu neste sábado, 25, após um confronto policial com forças de segurança dos estados de Sergipe, Bahia e Minas Gerais. O suspeito já possuía mandado de prisão em aberto pelos crimes praticados. O nome completo não foi divulgado.

Segundo a investigação, o suspeito estava partindo do estado de Minas Gerais em direção ao sul da Bahia. No meio do trajeto, enquanto se deslocava para a cidade de Una, as equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE) reconheceram o suspeito em um veículo acompanhado de uma segunda pessoa. A partir aí, foi realizado o acompanhamento, dando sinais de parada e voz de abordagem. No entanto, o investigado surpreendeu a guarnição com disparos de arma de fogo.

“Os ocupantes do veículo, então, desembarcaram do carro e continuaram efetuando disparos contra os policiais, que se abrigaram e responderam à agressão. Após o cessar dos disparos, os dois suspeitos foram identificados caídos ao solo em posse de um revolver calibre .38 e uma espingarda calibre 12. Foi feita a busca no interior do veículo conduzido pelos suspeitos, no qual foram encontrados nove tabletes de substância semelhante à maconha”, diz a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE).

A SSP destacou ainda que a guarnição policial prestou socorro aos suspeitos, os quais foram conduzidos ao Hospital Regional Costa do Cacau. Mas ambos evoluíram a óbito.

Forças de Segurança 

De acordo com a SSP, a ação conjunta contou com o apoio da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE) da região geográfica de Cacaueira; da Polícia Militar da Bahia, do Centro de Operações Especiais (COPE) e da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol) – estes últimos da Polícia Civil sergipana; além da 72ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) de Itacaré (BA) e da Polícia Militar de Minas Gerais.

por João Paulo Schneider 

Com informações da SSP

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais