Suspeito de matar esposa grávida segue preso; corpo continua no IML

Ainda segundo a SSP, para os investigadores a autoria do crime é clara (Foto: arquivo/ ASN)

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) informou nesta sexta-feira, 20, que a prisão do autor do feminicídio que vitimou uma mulher gestante no povoado Robalo, na Zona de Expansão de Aracaju, ocorreu em flagrante. O suspeito segue preso. Ainda segundo a SSP, para os investigadores a autoria do crime é clara.

A SSP destaca também que foi instaurado um inquérito policial no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que será encaminhado ao Poder Judiciário. “A SSP informa também que o corpo da vítima permanece no Instituto Médico Legal (IML), já que ela não era sergipana e a família reside em outro estado”, diz em nota. Ainda segundo a SSP, os familiares já foram localizados e estão ocorrendo tratativas para que ocorra a liberação do corpo.

Resumo do caso

A ocorrência foi atendida pela Polícia Militar. Segundo as informações do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur), a equipe foi acionada pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) sobre um homem que havia cometido um feminicídio contra sua esposa.

Os militares foram ao endereço indicado e, no interior do imóvel, localizaram o suspeito, que confessou ter cometido o crime. No banheiro da casa, a polícia encontrou a gestante, já sem sinais vitais aparentes.

Os policiais solicitaram o apoio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que constatou o óbito. De acordo com informações de moradores da localidade, o casal morava há aproximadamente dez dias na residência e a vítima não costumava ser vista fora do imóvel.

por João Paulo Schneider

Com informações da SSP

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais