Suspeito por roubo de animais morre em confronto

0
Confronto com PM aconteceu em Canindé (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Um homem acusado por envolvimento com roubo de animais, assaltos e homicídios morreu em um suposto confronto com policiais militares no município de Canindé do São Francisco. De acordo com informações da assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), o suspeito estava armado com um revólver calibre 38 e teria disparado tiros contra os policiais em um bloqueio realizado pela equipe do 4º Batalhão da Polícia Militar na região conhecida como Faixa.

O confronto aconteceu na tarde da quinta-feira, 22, na zona rural de Canindé do São Francisco, onde havia uma equipe do 4º BPM e do Grupo Tático Rural da Polícia Militar realizando atividades de prevenção e combate ao crime organizado, que está em evidência naquela região, segundo a SSP. Conforme a assessoria, o suspeito foi localizado na área, conduzindo uma motocicleta de placa NVI 2420, licença de Sergipe. A localização do acusado foi consequência do levantamento realizado pela equipe de inteligência da PM, conforme a assessoria da SSP.

O suspeito foi socorrido com vida, mas morreu no Hospital Regional de Canindé do São Francisco. O corpo chegou ao Instituto Médico Legal (IML) na madrugada desta sexta-feira, 23. Os policiais militares identificaram o acusado como Erinaldo Meneses de Andrade, conhecido como Bado, e teria envolvimento com diversos crimes, entre roubo de animais, assaltos e homicídios.

Acusações

Conforme a assessoria da SSP, Bado era suspeito de chefiar uma organização criminosa que age na zona rural de Canindé de São Francisco e do município baiano de Santa Brígida. Em julho de 2014, conforme a SSP, Bado foi indiciado de inquérito policial, que investigou o assassinato de Cláudio Felix dos Santos, ocorrido no município baiano.

A polícia estima que a organização criminosa liderada por Bado tenha arrecadado mais de R$ 200 mil, fruto de ações delituosas, envolvendo roubo de animais, de veículos e emboscadas a comerciantes da região. A arma de fogo e os objetos apreendidos foram encaminhados à Delegacia de Canindé de São Francisco para a tomada das providências cabíveis.

Por Cássia Santana

Comentários