Tartaruga é submetida a necrópsia

0

A tartaruga foi retirada do canal por soldados do Pelotão Ambiental (Foto: Maria Odília/Jornal da Cidade)
A tartaruga marinha encontrada por populares na tarde desta sexta-feira, 10 dentro de um canal da avenida Anísio Azevedo, no bairro 13 de Julho, foi encaminhada na manhã deste sábado, 11 ao Hospital Veterinário da Faculdade Pio Décimo. Lá será feita uma necrópsia com o objetivo de identificar as causas da morte. Soldados do Pelotão Ambiental da Polícia Militar retiraram o animal do canal e o levaram para o Oceanário de Aracaju.

De acordo com a bióloga do Oceanário, Aline Castelo, “a tartaruga já estava morta quando foi encontrada em um canal da 13 de Julho.  Ela foi trazida aqui para o Oceanário e nesta manhã, foi encaminhada para ser submetida a uma necropsia na Faculdade Pio Décimo”.

A bióloga explicou ainda que somente após o resultado da necropsia é que poderão saber as causas da morte da tartaruga oliva. “Ela estava muito inchada, provavelmente por ter morrido há muito tempo, mas não apresentava nenhuma marca de rede ou outros objetos”, esclarece a bióloga do Oceanário de Aracaju.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais