Taxas do Detran sofrem reajuste

0

Como se não bastassem as despesas extras, típicas de começo de ano, que elevam o orçamento das pessoas, vários itens tiveram seus preços elevados, como a passagem de ônibus e o preços dos combustíveis. Agora, o sergipano vai pagar 4,7% a mais pelos serviços oferecidos pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

 

O reajuste, que tomou por base o índice de Preços ao Consumidor (IPC) dos últimos 12 meses, começou a ser repassado para as pessoas desde o dia 1º de janeiro. Segundo informações da assessoria de comunicação do órgão, o reajuste acontece todos os anos, com o fim de manter a operacionalidade do órgão. “Mesmo com o aumento, os valores cobrados pelo Detran de Sergipe ainda são uns dos mais baratos do nordeste”, diz André Carvalho, assessor de comunicação do Detran

 

Se antigamente, as pessoas pagavam R$ 104,50 pela primeira habilitação, agora, o valor passou para R$ 109,30. Já para mudar de categoria, passou de R$ 69,50 para R$ 72,70. Se for para alterar os dados com transferência de propriedade, as pessoas pagarão R$ 112,95. A taxa era de R$ 108. O curso de reciclagem de condutores, que custava R$ 56, agora é R$ 58,55. André diz ainda que o aumento vai servir para a modernização do órgão. Segundo ele, já foram comprados 28 novos computadores para as Circunstâncias Regionais de Trânsito.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais