Táxis de São Cristovão serão fiscalizados

0

Taxistas e SMTT de Aracaju e S. Cristovão compareceram à audiência
Taxistas do serviço lotação de São Cristovão estão enfrentando problemas em Aracaju. Segundo denúncia do sindicato da categoria, taxistas clandestinos estão transportando passageiros da capital para o município vizinho, contrariando a lei municipal. Para resolver o problema, ficou definido em audiência realizada na tarde desta quinta-feira, 28, no Ministério Público Estadual, que a Superintendência de Transporte e Trânsito (SMTT) de São Cristovão irá padronizar os 165 veículos regularizados, que prestam o serviço, num prazo de 15 dias.

Com a medida, os carros receberão cores diferenciadas e numeração seqüencial, para facilitar a fiscalização e impedir o transporte de passageiros por veículos clandestinos. Além disso, a SMTT de São Cristovão enviará à superintendência de Aracaju a relação atualizada dos alvarás e suas respectivas numerações. A promotora Euza Missano estabeleceu também que caberá aos dois órgãos fiscalizar os veículos que estão invadindo o sistema.

Euza Missano: “interesse metropolitano precisa ser preservado”
Em relação aos passageiros que retornam a São Cristovão, os taxistas terão 30 dias para alugar um galpão, onde estas pessoas deverão aguardar pelo retorno, já que está proibida a utilização de logradouros públicos para espera de passageiros. Esse conjunto de medidas visa à regularização do serviço de táxi-lotação na Grande Aracaju, diante do “interesse metropolitano” existente entre Aracaju, São Cristovão, Nossa Senhora do Socorro e Barra dos Coqueiros, conforme a promotora.

Barão de Maruim

Outro assunto abordado na audiência foi a inexistência de paradas de táxi-lotação na Avenida Barão de Maruim. Diante da impossibilidade de tráfego de táxis na via, em decorrência do trânsito tumultuado, principalmente em horários de pico, ficou acertado que em 30 dias, a SMTT de Aracaju e de São Cristovão, bem como os taxistas criarão um roteiro alternativo para transporte de passageiros para a cidade histórica.

Por Valter Lima

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais