Técnicos da UFS entram em greve

0

Em assembléia realizada ontem à tarde, dia 17, os servidores técnico-administrativos da Universidade Federal de Sergipe (UFS) decidiram entrar em greve por tempo indeterminado. Em outra reunião, feita na manhã da última segunda-feira, dia 15, os professores decidiram terminar o semestre para só então tornarem a discutir o assunto.

 

De acordo com o boletim informativo do Departamento de Administração Acadêmica (DAA) da Universidade, durante a última greve dos técnicos, as aulas continuaram normalmente, porém, diante do fato, os próprios estudantes decidiram não assistir às preleções. O retorno às aulas só ocorreu em 13 de setembro.

 

Desta vez, ainda não se sabe que direção a greve tomará. Segundo o DCE, durante o último movimento de paralisação, a decisão de greve dos estudantes se deu porque quando os técnicos param, muitos serviços básicos da UFS também ficam inviabilizados, a exemplo do restaurante universitário e da biblioteca.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais