Terceirizados da Petrobras são presos

0

Quadrilha estaria atuando no desvio de equipamentos (Foto: Arquivo Portal Infonet)
A informação da Secretaria da Segurança Pública (SSP) é de que a operação que começou nas primeiras da manhã desta terça-feira, 20, já prendeu dois homens que trabalham em uma firma terceirizada da Petrobras. Segundo a SSP, os presos são acusados de pertencer a uma quadrilha que estaria desviando equipamentos da empresa em Sergipe. De acordo com dados fornecidos pela empresa, em um período de dois anos é calculado um prejuízo de R$ 40 milhões.

Outras quinze pessoas também foram presas acusadas do mesmo crime. A polícia ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto, mas a informação da SSP é que na tarde desta terça-feira, 20, haverá uma coletiva no Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) onde serão fornecidos detalhes sobre os acusados e a participação deles no crime.

As prisões estão sendo realizadas em cumprimento a mandados de busca e apreensão por policias da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), coordenados pelos delegados Gilberto Guimarães e Gabriel Nogueira Júnior. A polícia efetuou as prisões na capital sergipana e nos município de Itabaiana, Japoatã, Carmópolis, Riachuelo e Japaratuba.

Por Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais