Três homens de SP são presos ao aplicar golpe do cartão em Aracaju

0
Vítimas eram induzidas a cortar os cartões e entregá-los após ligação de “atendentes”, mas microchip ficava preservado (Foto: SSP/SE)

Equipes da 1a Delegacia Metropolitana prenderam em flagrante três homens, oriundos de São Paulo, acusados de aplicar uma série de golpes em Aracaju. Foram presos na tarde desta sexta-feira (22) Eric Felipe Bernardo da Silva, 24 anos, Augusto Felipe Soares da Silva, 25; e Emerson Santana da Conceição, 32 anos.

Com eles, os investigadores apreenderam várias máquinas utilizadas para a passagem de cartões de crédito e débito, cartões de terceiros e um veículo. Segundo o delegado Everton Santos, da 1a Delegacia Metropolitana, os autores confirmaram que saíram de São Paulo e estavam hospedados em uma Pousada no bairro Atalaia. Ao menos, 12 pessoas foram vítimas em Aracaju e, antes, eles já haviam aplicado o mesmo golpe na cidade de Goiânia (GO).

O crime consistia numa estrutura de falsos atendentes, montada em São Paulo, que ligavam para as vítimas e alegavam que os cartões foram utilizados de forma errada e, por isso, seria necessário inutilizá-los, cortando os cartões com uma tesoura. Os atendentes já dispunham de dados pessoais importantes das vítimas. “No entanto, o michochip, que é onde estão todas as informações relevantes do cartão, geralmente ficava preservado”, explicou o delegado Everton Santos.

Com os cartões inutilizados, os golpistas, já em Aracaju, iam na casa das vítimas e pegavam os cartões recortados. Depois juntavam as partes com uma fita adesiva a passavam a utilizá-los. “A polícia está localizando os boletins de ocorrência para identificar as pessoas que caíram no golpe.

O trio foi preso no momento em que utilizava um dos cartões e foram encaminhados para a 1a Delegacia Metropolitana, onde prestaram depoimento. Uma idosa, vítima dos paulistas, foi localizada e prestou esclarecimentos à polícia. O delegado Everton Santos reforçou os parabéns às equipes de captura e de cartório da 1a Delegacia Metropolitana.

Fonte: SSP/SE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais