UFS estuda nanotecnologia

0

O reitor da Universidade Federal de Sergipe – UFS -, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, assina hoje, no Rio de Janeiro, um convênio com a Agência Financiadora de Estudos e Projetos – Finep. A universidade deseja obter parcerias para o desenvolvimento de pesquisas na área de nanotecnologia, junto com a empresa Cerâmica Escurial e a Fundação de Apoio à Pesquisa e à Extensão de Sergipe.

 

A Finep aprovou seis projetos em todo o Brasil, mas apenas dois deles pertencem a Estados do Nordeste: Sergipe e Rio Grande do Norte. O projeto da UFS pretende trabalhar no desenvolvimento de pigmentos e aditivos para aplicações em cerâmicas de revestimento, no processo de decoração a laser para a produção de peças cerâmicas personalizadas e na criação de peças cerâmicas com superfície magnética a partir de nano-partículas magnéticas.

 

A nanotecnologia é a capacidade de produzir tecnologias que usam objetos com baixas dimensões (1 nanômetro corresponde a 0,0000000001 metro). A UFS, através do  Departamento de Física, já vem estudando a área. O total de recursos aprovados, na ordem de R$ 240 mil, deve ser liberado ainda este ano.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais