Um bairro relegado ao abandono – Ivan Valença

0

Ponte estrangulou o bairro
Quem lê os textos jornalísticos sobre o bairro Industrial, ou por acaso passa por ele, mesmo rapidamente, não deve acreditar que, num passado já um pouco distante no tempo, era o local preferido de moradia de famílias de bacanas da cidade. Nos idos dos anos 30 e 40 do século passado, o bairro Industrial – que está completando 90 anos em janeiro próximo – tinha a maior população de endinheirados da cidade.

As melhores casas, os grandes palacetes da cidade se concentravam por lá. Ainda é possível ver ecos disso, trafegando pela avenida que serpenteia o rio Sergipe, até o final do bairro, quando ele encontra o Parque da Cidade. Dos anos 50 em diante, o bairro foi abandonado à própria sorte, e nem mesmo a construção da Ponte Construtor João Alves trouxe melhorias para o bairro.

Ao contrário: a ponte “estrangulou” o bairro Brasília, que hoje não tem mais saída para o Industrial. Embaixo da ponte prometeu-se uma área de lazer. Até hoje, nada. O bairro não tem farmácia, não tem agência bancária, nem agência dos correios. O bairro Industrial precisa urgentemente da atuação dos poderes públicos.

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais