Um vereador contra o Banese

0

O vereador Antônio Góis (PT) entrou com representação no Ministério Público estadual contra o diretor-presidente do Banco do Estado de Sergipe – Banese -, Jair Araújo. Góis pede abertura de inquérito para que sejam apuradas as denúncias de improbidade na administração do banco.

 

Ele também solicita que seja instaurada Ação Civil Público, com pedido de liminar, para que sejam suspensos, imediatamente, os efeitos dos contratos celebrados entre o Banese e a Fundação Dom Cabral no valor de R$ 604.350,00 e com a empresa MPelágio Consultoria Empresarial, no valor de R$ 15 mil.

 

O vereador entende que, além da suspensão dos pagamentos fruto desses contratos, é essencial que o Banese receba ressarcimento do que já foi pago a essas empresas.

 

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais