Universidades paralisadas por 24 horas

0

A Universidade Federal de Sergipe (UFS) foi das muitas universidades que paralisaram suas atividades durante todo o dia de ontem em todo o país. O objetivo foi de pressionar o governo a cumprir sua parte do acordo feito ao final da última greve, que aconteceu no meio do ano e durou 90 dias. Na, UFS, 1.200 funcionários participaram da paralisação. Nos dia 9 e 10, acontecerá uma plenária nacional para decidir se páram ou não durante o vestibular. “Como o concurso envolve todos os técnicos administrativos, as provas poderão ser suspensas”, explica Edval Dóes, presidente do Sindicato dos Servidores da UFS (Sintufs).

Comentários