Vazão na Hidrelétrica de Xingó é ampliada para 2000 m³/s

0
(Foto: Arquivo Portal Infonet)

A vazão diária da Usina Hidrelétrica de Xingó, entre Canindé de São Francisco (SE) e Piranhas (Alagoas), passará de 1800 m³/s para 2000 m³/s, segundo informações da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf).

De acordo com a Superintendência Especial de Recursos Hídricos e Meio Ambiente de Sergipe, a elevação da vazão atende uma necessidade do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

Ainda segundo a Superintendência, não haverá inundações no leito maior do rio, porém os ribeirinhos devem ficar atentos para evitar transtornos e danos materiais. A ampliação da vazão também irá contribuir para melhoria da biodiversidade do rio.

Por Verlane Estácio

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais