Zoológico de Aracaju entra em reforma e ficará fechado para visitação

Cerca de 5 mil pessoas passam pelo Parque da Cidade todos os meses (Foto: ASN)

A fim de trazer melhorias às estruturas que abrigam os animais, o Zoológico do Parque da Cidade, gerido pela Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema), entra em período de reforma e ficará fechado para visitação até o dia 30 de maio.

O espaço irá passar pela recuperação de 22 recintos que serão adequados para melhor acolher a população de mais de 260 animais que habitam o local, entre aves, mamíferos e répteis.

A reforma do zoológico faz parte do Plano de Aplicações para os Recursos Oriundos da Compensação Ambiental, um acordo entre o Governo de Sergipe e a empresa Eneva, que visa restaurar os espaços do Parque Governador José Rollemberg Leite, conhecido como Parque da Cidade. A primeira etapa do projeto começou em 2023, com a readequação da infraestrutura do Centro de Tratamento de Animais Silvestres (Cetas), que está prestes a ser concluída. O espaço é responsável pela reabilitação tanto dos animais que moram no zoológico quanto dos que chegam através do serviço de Resgate da Adema.

De acordo com o gerente do Parque da Cidade, Erinaldo Santos, os reparos são importantes para que o zoológico continue sendo um dos cartões postais da cidade de Aracaju. “O Parque da Cidade irá completar 45 anos de existência no dia 17 de março e oferece espaços atrativos para diferentes públicos. Somente o zoológico ficará fechado para a visitação durante a reforma; os demais espaços continuarão funcionando normalmente”, detalha Erinaldo.

Cerca de 5 mil pessoas passam pelo Parque da Cidade todos os meses. Além do zoológico, que abriga animais que não podem ser reintroduzidos na natureza e recepciona projetos de educação ambiental com estudantes, o espaço público tem outros atrativos, como a imagem de Nossa Senhora da Conceição e o Teleférico que, do alto, revela a beleza da Área de Preservação Ambiental (APA) Morro do Urubu, da qual faz parte. Gerida pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente, Sustentabilidade e Mudanças Climáticas (Semac), a APA corresponde ao único fragmento urbano remanescente de Mata Atlântica, preservando espécies da flora e da fauna ameaçadas de extinção.

O Parque da Cidade funciona de domingo a domingo, das 06h às 18h, e o teleférico, das 09h30 às 17h.

Fonte: ASN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais