Academia Brasileira de Letras e Artes do Cangaço será instalada em SE

0
No total, serão empossados 46 acadêmicos titulares, três honorários, seis beneméritos e nove correspondentes (Foto: Divulgação)

A solenidade de instalação e posse coletiva dos membros titulares, beneméritos e correspondentes da Academia Brasileira de Letras e Artes do Cangaço (Ablac) em Sergipe acontece no próximo dia 13, a partir das 19h, no campus Farolândia da Universidade Tiradentes, bloco D, auditório Padre Melo. Diretores e conselho fiscal que atuarão no quadriênio 2019-2022 da Ablac também serão anunciados.

No total, serão empossados 46 acadêmicos titulares, três honorários, seis beneméritos e nove correspondentes. Dentre as personalidades que serão empossadas, está a vice-reitora da Unit, professora Amélia Cerqueira Uchôa, que atuará como acadêmica benemérita na Ablac.

Durante o evento, como homenagem à entidade, a Unit realizará mostra com estatuetas, peças, vestimentas e alguns artefatos utilizados por nomes representativos do cangaço, como Lampião e Maria Bonita. Ainda haverá exposição de livros de alguns acadêmicos da Ablac.

Ablac

Embora fundada em 25 de julho de 2019 em Juazeiro do Norte (CE), a academia tem sua sede na capital sergipana e pretende reunir, em seus quadros, além de escritores do tema, poetas, músicos, artistas plásticos ou das artes cênicas de todo o país que sejam ligados ao cangaço em todas suas ramificações.

A Ablac é uma associação cultural representativa de escritores e artistas que tem o objetivo de promover o estudo, pesquisa e divulgação dos temas centrais abrangendo literatura, música, cultura, artes plásticas e cênicas.

Fonte: UNIT/SE

Comentários