Artistas sergipanos vão se apresentar na Espanha

0

Coletânea foi responsável por convite aos artistas (Foto: Divulgação)
A música sergipana marcará presença no Festival Tensamba, um dos principais eventos de cultura brasileira no exterior, que acontecerá na primeira quinzena do mês de maio, em Madrid, capital da Espanha. O forrozeiro Cobra Verde, a cantora Patrícia Polayne, e a banda Café Pequeno representarão a arte produzida em Sergipe com apoio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e do Sebrae.

O convite partiu da organização do festival, após apreciar o trabalho dos artistas através da projeto ‘Sergipe Exporta Som”, fruto de um trabalho conjunto entre a Secult e a Fundação Aperipê. A coletânea “Music From Sergipe”, uma seleção de diversos cantores e grupos sergipanos, passou a ser distribuída em eventos de grande porte pelo país, como a Feira Música Brasil, assim criando laços entre a música produzida no Estado e produtores brasileiros e de outros países.

Feito o convite, os artistas solicitaram apoio financeiro à Secult para não perder a oportunidade de mostrar seus trabalhos em um evento de grande visibilidade como é o Tensamba.  A secretária de Estado da Cultura, Eloísa Galdino, reuniu-se com representantes dos músicos envolvidos no projeto e confirmou a contribuição do órgão, viabilizada através de uma parceria com o Sebrae/SE.

Eloísa Galdino ressalta destaque da música sergipana (Foto: Marcelle Cristine/Secult)
“Logo quando fomos comunicados do convite feito pela organização do Festival Tensamba aos nossos artistas, pleiteamos junto ao superintendente do Sebrae em Sergipe, Lauro Vasconcelos, que este apoio entrasse no plano de trabalho que a Secult executa junto à instituição. A proposta foi aceita, e Sergipe estará nos palcos deste grande evento em Madrid, que abrirá oportunidade de negócios no mercado artístico, garantindo, assim, um maior espaço à música produzida em Sergipe fora dos nossos limites geográficos”, conta a secretária Eloísa Galdino.

A Secretaria de Cultura coordenará a participação de Cobra Verde, Patrícia Polayne e Café Pequeno no Festival Tensamba. Os representantes da Secult também participarão de uma mesa redonda no evento,onde poderão apresentar um pouco da diversidade e da política cultural de Sergipe aos participantes da celebração à música brasileira em território europeu.

Artistas festejam participação

A confirmação do apoio aconteceu em uma reunião entre a secretária Eloísa Galdino, o coordenador de música da Secult, Eduardo Prudente, e os produtores dos artistas que participarão do festival. A boa notícia foi recebida com festa entre os músicos e seus representantes.

“Estamos muito empolgados com a chance de levar nosso repertório para um evento de grande dimensão como o Tensamba. Esta é a segunda vez que nos apresentaremos no exterior [a primeira foi em 2010, na França] e o apoio da Secretaria de Estado da Cultura foi fundamental para este grande passo que estamos prestes a dar na nossa carreira”, fala Júlio Rêgo, da banda Café Pequeno.

Para Yummah Souza, produtora da cantora Patrícia Polayne, a apresentação tem tudo pra ser um capítulo especial na carreira da artista. “Será a primeira vez que ela se apresentará fora do Brasil. Toda a banda está feliz com a participação neste festival de música brasileira na Espanha”, diz Yummah.

Na opinião de Damien Chemin, parceiro do forrozeiro Cobra Verde, a participação maciça de artistas sergipanos neste evento comprova o novo momento que vive a música sergipana. “O apoio da Secretaria de Cultura é mais uma prova de que estamos vivendo dias melhores na cena musical de Sergipe. Será uma satisfação pro Cobra Verde apresentar na Espanha o autêntico forró do nosso Estado”, fala Damien.

Além dos artistas apoiados pela Secult e Sebrae, o Festival Tensamba contará com a presença de outro artista sergipano: Nino Karvan.

Fonte: Secult

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais