Chove na Vila do Forró

0

Uma chuva inesperada começa a cair na Orla de Atalaia, provocando reações bem distintas no público que dança ao som de Nando Cordel. Enquanto alguns correm para abrigos improvisados, outros não perdem o ritmo e permanecem dançando sob forte chuva.

 

O arraial e as casas cenográficas são alguns desses abrigos escolhidos pelo público. Devidamente protegida na casa reservada à imprensa, a estudante Caroline Souza justificou: “Estive gripada na semana passada, por isso não quero me arriscar”.

Do lado de fora um animado casal continua dançando, sem dar importância alguma a insistente chuva. “As pessoas já deveriam estar acostumadas. Sempre chove nesse período do ano. Se a gente for parar de dançar por causa disso, acaba sem aproveitar o melhor da festa”, disse Edgar Santana. Sua esposa reforçou a afirmativa, acrescentando que o fato de ser fã do cantor Nando Cordel também colabora para a decisão do casal.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais