Começam as obras de restauração do Atheneuzinho

0

Prédio é tombado pelo Estado / Foto: Luis Mendonça
Começaram esta semana as obras de restauração arquitetônica do antigo prédio do Atheneuzinho, localizado na Avenida Ivo do Prado, no centro de Aracaju, onde serão instalados o Instituto Banese e o futuro centro cultural do Banco do Estado de Sergipe, o Banese Cultural. De acordo com o contrato assinado entre o Banese e a empresa vencedora da licitação para a obra, a IGC Empreendimentos Imobiliários Ltda., serão realizados no prédio serviços de reforma e restauração, construção de alguns espaços, urbanização e estacionamento.

“É com muita satisfação que acompanhamos o início dessas obras. Temos o firme propósito de que elas sejam adiantadas para que possamos inaugurá-las o mais rápido possível para oferecer à população um novo espaço de cultura e lazer, voltado para a preservação da memória cultural e da arte sergipana, dentro do espírito de responsabilidade social do Banese”, disse o presidente do banco, Saumíneo Nascimento.

O Banese Cultural será um importante espaço de referência da cultura sergipana. Voltado para as atividades da produção e da criação artística de Sergipe, no centro cultural estarão disponíveis uma biblioteca digital da cultura sergipana, um café e uma livraria, além de oficinas temáticas e exposições itinerantes nas áreas de música, dança, teatro e demais eixos culturais.

Histórico

O prédio do Atheneuzinho é tombado pelo Estado. O edifício foi inaugurado em agosto de 1926, no governo de Graccho Cardoso, para abrigar o Colégio Atheneu Dom Pedro II – principal centro de formação educacional do Estado na primeira metade do século passado. 

Em 1951, com a inauguração do novo prédio do Atheneu, o local passou a sediar a Escola Técnica do Comércio. Em seguida, funcionaram no prédio repartições públicas, como o Arquivo Público e a Empresa Sergipana de Turismo (Emsetur). De 1975 a 1996, o espaço sediou a Secretaria de Estado da Educação (SEED). De lá para cá, o prédio ficou fechado e se encontrava em alto grau de deterioração.

Comentários