Enchefs lança edital para concurso gastronômico em Aracaju

0
Edital já está disponível com inscrições gratuitas até o dia 31 (Foto: assessoria do evento)

Na noite da última sexta-feira (18), o terraço da biblioteca da Universidade Tiradentes (Unit), campus Farolândia, recebeu o coquetel de lançamento do edital do Concurso Gastronômico e de Dólmã do Encontro de Chefs de Sergipe (Enchefs 2019). O material já está disponível no site oficial do Enchefs 2019.  A inscrição é gratuita e segue até às 23h59 do dia 31 de outubro. Podem se inscrever profissionais da culinária com, no mínimo, três anos de experiência comprovada, e estudantes de gastronomia.

De acordo com a coordenadora estadual do Enchefs, Suellen Lima, o concurso tem a proposta de valorizar a profissão de cozinha com foco na responsabilidade social. “Sergipe, assim como todo o país, tem passado por uma situação difícil e isso também atinge a nós, os chefs. Então, o nosso papel também é de desenvolver técnicas que nos moldem à economia. Por isso, discutimos formas de nos manter no mercado diante de situações delicadas, porque o concurso também vai abordar alternativas do chef atrair o cliente sem ter prejuízos”, explicou.

O evento está em sua quarta edição e tem o objetivo de valorizar a atividade e, também, a qualificação dos chefs sergipanos. Na oportunidade, os profissionais da culinária e estudantes puderam aprender mais sobre a trajetória do festival e, ainda, saber os detalhes da disputa que vai movimentar o cenário gastronômico do estado.

Corroborando a opinião de Suellen, o coordenador do curso de Gastronomia da Unit, Luciano Moreira, ressaltou a importância de eventos como este e destacou sobre a necessidade da busca por aperfeiçoamento educacional como estratégia na resolução de problemas.

“O profissional de gastronomia não faz apenas cozinhar, mas precisa entender de gestão. Então, a palavra de ordem é estudo, aprofundamento sistematizado de teorias de gestão, pois o Enchefs não vai avaliar apenas o sabor do prato, mas como foi a sua elaboração, como os ingredientes foram melhor aproveitados e formas de sustentabilidade. O cozinheiro que tem noção de gestão, saberá como aproveitar melhor a integralidade do alimento”, afirmou.

Fonte: Assessoria do evento

Comentários