Estreia de filme sobre vida de Almir do Picolé lota teatro em Aracaju

0
Almir do Picolé se emocionou com estreia do filme (Fotos: Portal Infonet)

A estreia do longa metragem ‘Almir do Picolé: o filme’ lotou o Teatro Purificação, no bairro Luzia, neste sábado, 9. A obra foi idealizada por pelo cineasta sergipano David Kleiton, que já foi voluntário da creche Almir do Picolé.

Enquanto a primeira sessão iniciada às 14h acontecia de forma tranquila, diversas pessoas aguardavam do lado de fora

Emocionado com a presença de tantas pessoas, Almir revela que tem um sentimento de eterno agradecimento. “Agradeço a sociedade, a imprensa, em especial a Infonet, e aos David, que fez esse filme que mostra os fatos, a realidade de um Almir que nasceu para ajudar os pobres”, conta.

Almir, que prestigiou as três exibições deste sábado, também se emocionou com o trecho do filme que retrata a época de trabalho em uma padaria. “Eu era gerente e a esposa do dono da padaria não gostava de mim. Naquela época, eu pegava todo o meu salário e dava para os pobres. Dava dinheiro para os pais comprarem pão para os filhos”, relembra.

David Kleiton é cineasta e produziu o filme

“Me sinto realizado em ser o responsável por esse filme que transmite a história de Almir. Todo mundo conhece um pouco da história dele, mas nem todos sabem a trajetória completa. Então, quando eu pude conhecer de perto Almir e ver que ele é um herói, eu percebi que ele merecia ter a sua trajetória transformada em filme”, conta o cineasta David Kleiton.

A autônoma e artesã Edvalda Francisca destaca que a história de vida de Almir é um grande exemplo para as futuras gerações. “Acho que todos os pais deveriam trazer os seus filhos para ver o filme. É emocionante e inspirador sabe que ele cresceu na rua e tem esse senso de amor ao próximo, que é justamente o que falta nas pessoas ao nosso redor. Nas ruas, muitas pessoas fecham o vidro quando ele chega para entregar as canetas, mas elas não fazem ideia do trabalho fantástico que desenvolve”, comenta.

Edvalda Francisca destaca que a história de Almir do Picolé é exemplo para a sociedade

O filme continua em exibição neste domingo, 10, e no próximo final de semana, 16 e 17, sempre às 14h, 16h e 19h. O ingresso custa R$15 e um quilo de alimento não-perecível.

por Verlane Estácio

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais