Exposição Coletiva Junina é prorrogada até final de julho

0

Fotos: Alejandro Zambrana
Em cartaz na Galeria Álvaro Santos (GAAS)  desde 19 de junho, a  exposição Coletiva Junina 2009 foi prorrogada até o final do mês de julho para a visitação pública. Em sua terceira edição, a mostra reúne 35 obras de 26 artistas sergipanos, divididas em cinco esculturas e 30 
telas, sendo que a temática de todos os trabalhos são as comemorações dos festejos juninos e seus santos: Antonio, João e Pedro.

A direção da galeria resolveu prorrogar a exposição por conta do alto índice de visitantes que tem recebido. Mais de 400 pessoas já visitaram esta edição da Coletiva Junina. Como o fluxo de apreciadores não diminuiu, decidimos prorrogá-la até o final do mês, declara a secretária da Galeria, Adelci Freire.

Quem for à exposição terá a oportunidade de conhecer as obras de Ana Denise, Adriana Dantas, Caã, Marly, Nogueira, Wellington Déda, Willy Velenzuela, dentre outros artistas sergipanos, em forma de protesto, rituais, homenagens e celebração das tradições juninas, reforçando e  valorizando assim, a identidade nordestina.

A exposição permanece aberta ao público até o final de julho, de segunda a sexta-feira, das 8 às 18 horas, e aos sábados, das 9 às 13 horas.  A Galeria Álvaro Santos fica localizada na Praça Olímpio Campos S/N, no centro da capital. O telefone para contato é (0xx79) 3179 1308.


 

Comentários