Exposição Intinerante Bem do Brasil chega a Aracaju

0
A exposição tem início dia 02 de agosto. (Foto: Ascom Iphan)

A partir do próximo dia 02 de agosto de 2012, a comunidade de Aracaju, poderá visitar a exposição itinerante Bem do Brasil, Patrimônio Histórico e Artístico, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

A mostra que será aberta às 19h, no Memorial do Tribunal de Justiça de Sergipe – Palácio Silvio Romero, localizado à Praça Olímpio Campos, nº 417, Centro, compõe a programação festiva ao centenário do Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe.

Até o dia 30 de setembro, sempre de segunda a sexta, das 8h às 14h; aos sábados, domingos e nos períodos vespertino e noturno, sob agendamento, com entrada franca, toda a diversidade do patrimônio cultural brasileiro estará à mostra, representado em pinturas, gravuras e esculturas, além de filmes e fotografias. A curadoria é de Lauro Cavalcanti, diretor do Centro Cultural Paço Imperial, design de Victor Burton, com o patrocínio do BNDES.

Bem do Brasil foi o evento escolhido para reinaugurar o Palácio do Planalto, em Brasília, onde esteve em cartaz de setembro a novembro de 2010. No Centro Cultural Paço Imperial, a exposição ocupou todo o primeiro pavimento do prédio tombado, de dezembro de 2010 a fevereiro de 2011. Em 2011, a exposição itinerante foi idealizada – com painéis fotográficos dos registros de obras que participaram das exposições – para percorrer as superintendências do Iphan de todo o Brasil.

A itinerância teve a primeira mostra inaugurada em novembro de 2011, em Missões (RS). Em seguida, em Recife (PE), iniciada em fevereiro de 2012 e no mês de abril, em Belém (PA). São 18 painéis fotográficos, acrescidos de obras de acervo local, ampliando a visibilidade dos bens culturais brasileiros.

Em Aracaju (SE), serão expostas peças dos acervos do Museu de Arte Sacra de São Cristóvão (Arquidiocese de Aracaju), do Museu do Homem Sergipano, do Museu Galdino Bicho (IHGSE), dos Museus da Secretaria de Estado da Cultura e do Memorial de Sergipe, além daquelas cedidas por artistas locais e acervos particulares.

Fonte: Ascom Iphan

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais