Fabiano Oliveira: a cara do Pré-Caju

0

Na reta final da maior prévia carnavalesca do Brasil, o entusiasta e um dos idealizadores do Pré-Caju, Fabiano Oliveira conta para os navegantes do Portal InfoNet tudo sobre a 12ª edição da festa. PORTAL INFONET – Quem teve a idéia de mudar o trajeto do Pré-Caju? Fabiano Oliveira – A experiência acumulada nas onze edições anteriores do Pré-Caju mostrou a todos que integram a Associação Sergipana de Blocos e Trios (ASBT) a necessidade de mudanças, de evoluir a festa, portanto, antes de ser uma idéia individual foi uma resposta coletiva necessária para revitalização e a continuidade do processo de aperfeiçoamento. INFONET – Quando? FO – A necessidade de mudar, de criar situações novas já existia e era imperiosa. O momento exato da decisão de mudar o projeto aconteceu no Forró-Caju do ano passado. Foi Seu Augusto que, ao participar de uma das noites da grande festa junina promovida pela Prefeitura de Aracaju na praça de eventos dos mercados (hoje Praça de Eventos Hilton Lopes), percebeu que o centro histórico era o local ideal para que procurávamos para o Pré-Caju. INFONET – Por quê? FO – Porque mudar é a permanente procura para se alcançar o sonho da perfeição. Estamos mudando desde a primeira edição do Pré-Caju quando com o único bloco, o Com Amor, saímos pela orla da Atalaia. Passamos no ano seguinte a sair da Praça da Bandeira em direção ao Augustus. Nos últimos anos, o trajeto tem sido do Iate até o Parque Augusto Franco. Este ano, temos uma mudança radical, estamos saindo para uma área nova, mas, uma área já consagrada pelo repetido sucesso do Forró-Caju e de tantos outros eventos que ali vêm acontecendo. INFONET – Já foi estipulada a quantidade de voltas que cada trio dará? FO – Cada bloco vai permanecer desfilando por quatro horas e, dentro desse período, a previsão é que no mínimo faça três voltas. Portanto, a velocidade do deslocamento é que vai determinar o número de voltas. Pela extensão do trajeto e o número de horas de desfile obrigatório dos trios, calculamos entre duas a três voltas. INFONET – Ou serão os artistas que decidirão? FO – Não, é a dinâmica do próprio desfile, tendo como elementos definidores o tempo de desfile a extensão da área. INFONET – Sobre o Planetaju, quem teve a idéia? FO – A exemplo da mudança do local, o Planetaju é a resposta da ASBT à necessidade de atender as cobranças dos associados dos blocos. Nos primeiros anos do Pré-Caju tínhamos o encontro dos trios no Augustus, que acabou por não se recomendável, por questões de segurança, item de maior relevância para nós da ASBT. A continuidade da passagem dos blocos pela ponte da Coroa do Meio era um problema. Desde então, os associados reclamam pela ausência de espaço de confraternização dos foliões após o desfile dos blocos. Agora, com o novo local, esse espaço passa a ser possível e a cobrança dos associados tem condições de ser atendida. O Planetaju passa a ser o importante diferencial nesta edição do Pré-Caju e tenho certeza que será o grande point de encontro, o point de confraternização dos foliões, o point da continuidade da alegria e da paquera. INFONET – Quais serão os DJs que tocarão no Planetaju? FO – Entre outros teremos, Anginho (SP), Johnny (SP), Cafu (SE), JC (SE), Nandobanana (PE), Caveira (PE), Júnior Versiane (SE) e Peixe (AL). INFONET – Quais restaurantes estarão nesta área? FO – Na área do Planetaju estarão o San Chopança, Tequila Café, Albar, Teimonde, Habibs, Mister Pizza, Freds e as Lojas de Conveniência da BR Mania. INFONET – Como foi o critério de escolha, ou contrato dos restaurantes? FO – Critérios técnicos no que se refere à qualidade dos serviços prestados, e comerciais, no atendimento as exigências contratuais. INFONET – Como foram escolhidas as atrações do Pré-Caju? FO – Pela determinação de continuar trazendo para o Pré-Caju o que tem de melhor no axé-music, portanto, também neste ano, aqui estarão nos quatro dias de festa as melhores bandas e os melhores cantores do gênero, como Chiclete com Banana, Asa de Águia, Babado Novo, Ivete Sangalo, Timbalada, Cheiro de Amor, Harmonia do Samba, Patchanka, Banda Valneijós e mais 32 atrações locais. INFONET – Existe alguma pesquisa sobre a aceitação de cada artista? FO – Existe um acompanhamento permanente da receptividade de cada banda e de cada artista junto à população, seja através dos próprios shows locais e nacionais e a presença na mídia. INFONET – Qual o limite de abadás de cada bloco? FO – Três mil. INFONET – Qual bloco possui maior procura? FO – Claro, todos. INFONET – Os blocos do Point da Alegria trarão alguma surpresa? FO – Claro, mas é surpresa. INFONET – Quantas festas o Point da Alegria organizou para este Pré-Caju desde o Pré-Caju 2003? FO – Diversas, entre elas, tivemos a festa com Ivete Sangalo e Asa de Águia, juntos no Augustus; Jamil e Jota Quest, Chiclete com Banana, a Trivela, Babado Novo e Cidade Negra, U2 Cover e Legião Urbana Cover. Por Joyce Carla

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais