Festival Colora: colagem de lambes promove impactos visual e social

0
O Festival Colora contempla 54 produtos entre painéis pela cidade, exposições físicas, oficinas, exposições digitais, catálogos digitais, pesquisas e feira de artes urbanas (Foto: Ascom/ Funcaju)

Apesar da “Colagem” existir desde os tempos de Georges Braque, registrado como primeiro colagista do mundo, e de ser mais utilizada na pop art, essa cultura artística ainda é pouco disseminada em Aracaju.

A técnica que combina diversos materiais como fotografias, recorte de jornais, papéis ou tecidos passa a ser explorada, agora, no Festival Colora, projeto de artes visuais e urbana inédito na capital, fomentado com recursos da Lei Emergencial da Cultura Aldir Blanc.

Pensado e executado pela Prefeitura de Aracaju, por meio da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), o Festival Colora tem promovido um mar de cores nas ruas da capital, principalmente com grafite e pinturas, mas reunindo também essa vertente da colagem de lambes-lambes, contemplando outras maneiras de se fazer arte dentro do campo da arte visual.

E, para abrilhantar a sequência das obras entregues pelo Festival, nada melhor que a autenticidade do projeto intitulado “Eu Tenho um Sonho”, encabeçado pelo artista múltiplo David Cavalcanti, em parceria com a artista visual Kelly Nascimento.

A dupla está concluindo um painel com a técnica de colagem de lambes-lambes no Espaço Doca, na avenida Desembargador Maynard, no bairro Cirurgia. Empolgado com o andamento do projeto, David explica que a obra carrega influência de lutas sociais.

“Nessa parceria com Kelly, decidimos nos apegar aos subtemas do painel. O título do painel foi inspirado no discurso de Martin Luther King e fomos pegando subtemas como a liberdade, representada na figura do homem tentando sair das grades e o pássaro (animal símbolo de liberdade), o olho, a visão, o poder, representado pela figura de uma mulher negra com punho cerrados no fundo, trazendo uma ideia de poder e a união, retratado pelas mão dadas”, explica Davi.

Ele ressalta que, paralelo a isso, tentou aproveitar, da melhor forma possível, o espaço, tanto através da composição das grades, das plantas espadas-de-são-jorge, como se estendessem para além do painel. “O que queremos passar é, dado os subtemas, principalmente a ideia de coletividade entre as pessoas”, frisa.

Convidada para ser parceira do projeto, Kelly Nascimento diz que essa tem sido uma das suas maiores experiências profissionais. “David foi contemplado no edital e me fez esse convite para compor o projeto com uma técnica mista entre fotografia e colagem, só que em uma fachada consideravelmente grande, diferente do que costumo fazer. Então está sendo um desafio grande, mas estamos executando com êxito”, analisa a artista.

Um dos propósitos do Festival Colora é promover impacto na população aracajuana através da arte, abrindo caminhos para o conhecimento artístico através das obras. Antes mesmo da conclusão do trabalho, o artista David Cavalcanti diz que as imagens já têm provocado impacto.

“É muito interessante ver as pessoas interagindo com o painel. Durante a pausa no semáforo, as pessoas olham. Quem passa caminhando, pela calçada, nos pergunta sobre o projeto, muito por conta da novidade que é o lambe aqui na cidade”, pontua.

Festival Colora
O Festival Colora contempla 54 produtos entre painéis pela cidade, exposições físicas, oficinas, exposições digitais, catálogos digitais, pesquisas e feira de artes urbanas. Os painéis estão sendo construídos em espaços como os Centros de Referência de Assistência Social (Cras), Unidades Básicas de Saúde (UBSs), Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs), caixas d’água de bairros e a Estação Cidadania Radialista Carlos Magno, no conjunto Bugio.

Seguindo prazo estipulado pelo edital, os artistas têm até o dia 25 de fevereiro para concluírem os trabalhos artísticos. Antes mesmo das entregas das obras, o Festival Colora já se apresenta como o passaporte para uma Aracaju ainda mais colorida e representativa.

Fonte: Ascom/Funcaju

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais