Filme retrata a história das “Ceguinhas de Campina Grande”

0

Hoje, dia 19, entra em exibição no Cinemark o filme “A pessoa é para o que nasce”, de Roberto Berliner. A promoção é da Copacabana Filmes com o apoio da Casa Curta-SE. O filme conta a história das irmãs apelidadas de “Ceguinhas de Campina Grande”: Regina, Maria das Neves e Francisca da Conceição Barbosa.

 

As três passaram grande parte de suas vidas juntas, cantando e tocando ganzá em troca de esmolas nas cidades e feiras do Nordeste do Brasil. Para a gravação da película, a equipe acompanhou o cotidiano das três. “Berliner se preocupou em desenvolver uma trama complexa de amor e morte, miséria e arte. O filme acompanha, numa reviravolta inesperada”, explica a equipe de divulgação.

 

A fotografia do filme é de Jacques Cheuice, da ABC, e a trilha sonora de Hermeto Pascoal, com trilha adicional de João Barone, Patrick Laplan, Pedrão Laplan, Pedrão Selector e Renato Martins. Roberto Berliner é carioca e realiza trabalhos de direção de vídeo clipes, filmes publicitários e documentários.

Comentários