Grupos do interior comemoram participação no Festival de Teatro Sergipano

0

Festival acontece de 15 a 28 de março
“Teatro não se faz apenas na capital. Nós do interior estamos trabalhando e temos material de qualidade para apresentar”. É com esta frase que a atriz Juliana dos Santos, da Companhia de Artes Cênicas Reflexos da Alma, define sua emoção com a realização do Festival de Teatro Sergipano, evento que promete atrair um grande público entre os dias 15 e 28 de março, em diversos pontos de Aracaju.

A atriz, que se apresentará ao público do festival no dia 17 de março, no Teatro Lourival Baptista, está na área há algum tempo e já alcançou algumas premiações, como o prêmio César Macieira de Teatro, com o espetáculo ‘Uma vez o amor’. “É um privilégio para o grupo poder estar presente na programação deste festival. Para nós, que somos do interior, é ainda mais relevante, pois mostra o reconhecimento que estamos alcançando”, ressaltou a jovem.

Secretária Eloisa Galdino
A programação do Festival de Teatro Sergipano inclui apresentações de grupos e companhias teatrais de seis municípios que representam diferentes regiões do interior sergipano: Poço Redondo, Gararu, Santo Amaro, Estância, Lagarto e Barra dos Coqueiros. São dezenas de atores e produtores teatrais que vêem neste evento uma oportunidade para atrair a atenção do público  e da crítica especializada.

A secretária de Estado da Cultura, Eloísa Galdino, reforça a idéia de valorização que está sendo dada aos artistas do Estado, principalmente aos do interior. “Fomentar apresentações para os grupos de teatro de Sergipe e valorizá-los. Esta é a nossa meta, que sem dúvida será cumprida através do Festival do Teatro Sergipano. Produzimos uma vasta programação, que contemplam de grupos consagrados às gratas revelações da cena teatral do interior. Sem dúvida será uma grande festa da arte sergipana”, completou Eloísa.

Expectativa

Entre os atores e produtores teatrais do interior de Sergipe, o sentimento é de realização, afinal, a espera pelo festival já dura alguns anos e, agora, o desejo de toda uma classe passa a ser realidade.  A satisfação de poder mostrar seus talentos em um evento de grande porte enche de brilho o olhar dos jovens artistas interioranos.

O ator Tácio Lima, por exemplo, é de Santo Amaro, e vai se apresentar no festival com o espetáculo ‘Nordestinação’, do grupo ‘Pernas de Pau’. Ele se mostra entusiasmado com a realização do projeto. “Eu e meus parceiros de cena estamos felizes com a possibilidade de nos apresentarmos para um grande público, pois este tipo de evento difunde ainda mais nosso trabalho”, disse Tácio.

O jovem ator ressalta, ainda, a importância de diversos grupos do interior estarem presentes no cronograma de apresentações. “A participação dos grupos do interior é super importante, pois mostra que a Secult está atualizada com a produção teatral regional. Não existe teatro só em Aracaju, o interior tem muito a mostrar e nos incluir neste processo é uma questão de igualdade social”, completou.

Para a atriz Meiriane Albuquerque, do grupo Teatral Oiteiros, de Gararu, estar inserida na programação do Festival é uma honra e um desafio, afinal, o grupo tem pouco tempo de estrada, mas já mostra sua qualidade e é reconhecido por onde passa. “Estamos com muita expectativa para nossa apresentação, afinal somos um grupo de maioria adolescentes, vindos da zona rural de Gararu e com pouco recurso. O desafio agora é nos apresentarmos cada vez melhor e divulgar nosso trabalho para os sergipanos e turistas”, finalizou.

O festival

Mais de 20 grupos se apresentarão no Festival do Teatro Sergipano, um verdadeiro presente do Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), à capital sergipana no mês do aniversário da cidade. Além do Governo de Sergipe, o festival conta com o patrocínio do Banese Card e Oi, além do apoio do GBarbosa, Detran/SE e Banco do Nordeste do Brasil (BNB).

Entre as arenas que receberão espetáculos estão a Praça Fausto Cardoso, os espaços Balaio Cultural, na Orla de Atalaia, e Rua da Cultura, no Mercado Municipal de Aracaju. Os Teatros Tobias Barreto e Lourival Batista também abrigarão diversas apresentações.  O festival contará, ainda, com palestras e oficinas voltadas para os profissionais das artes cênicas, promovendo o intercâmbio com profissionais e pesquisadores de outros estados.

O acesso às apresentações é gratuito. A programação pode ser conferida aqui. Para mais informações sobre o evento, acesse a página do Festival de Teatro Sergipano no twitter.

Fonte: Secult/SE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais