Há três anos Rua São João não realiza festejos por conta de irregularidades

0

nova diretoria denuncia irregularidades na gestão anterior
Os representantes do Centro Social e Cultural São João de Deus, responsável pelos eventos realizados na tradicional Rua São João se reuniram para denunciar uma série de irregularidades cometidas pelo ex-presidente da entidade, José Newton destituído por assembléia em julho do ano passado.

Este ano a Rua São João comemora 100 anos de festejos. De acordo com Elmo Siqueira, diretor de comunicação do Centro Social existe um projeto para o centenário. “Temos um projeto elaborado para fazer uma grande festa, mas o ex-presidente deixou nosso Centro Cultural tão bagunçado que não estamos conseguindo emitir uma certidão negativa para receber poder recursos públicos”, afirmou

Elmo mostra documentos que implicam José Newton
Segundo Elmo uma comissão foi formada para cobrar a prestação de contas ao então presidente. “Como ele não atendeu as notificações da diretoria, por regimento nós convocamos uma assembléia extraordinária onde foi decidida a destituição de Newton. Desde então ele vem realizando uma série de ações se dizendo o presidente, mas o presidente atual é o Aldemário Calazans Costa”, falou.

O evento realizado no último dia 18 de março em que a imprensa foi convocada não foi de conhecimento da diretoria. “A gente inclusive prestou uma queixa na polícia pelo uso indevido do espaço cultural, pois foi uma programação enganosa, isso é lamentável” disse Elmo Siqueira.

Entidade irá arcar com dívida de quase R$ 500 a uma gráfica

O ex-presidente do Centro São João foi convocado pelo Ministério Público Estadual para esclarecimentos em uma audiência pública no dia 31 deste mês. “Desde 2007 não acontece mais festas na rua e nem apresentação de quadrilhas. Em 2008, o José Newton recebeu oito mil da Secult e oito mil de uma rede de supermercados e não prestou contas e não realizou a festa, ele vai ter que explicar tudo isso a promotora”, denunciou Elmo.

Por Bruno Antunes

Comentários