Idosos baianos visitam festejos juninos de Itaporanga

0

A segunda noite na capital sergipana do forró atrai até aqueles que, pela lógica, poderiam estar em casa na véspera de São João, assistindo ao telejornal ou passando o tempo fazendo o velho crochê. Mas, os 84 idodos do Clube Renascer, de Salvador, querem mais é aproveitar a programação do forró sergipano e dançar até raiar do dia. Dois ônibus lotados saíram ontem de Salvador a caminho de Aracaju, mas o município escolhido pelos idosos para usufruir o genuíno forró nordestino foi Itaporanga, distante 33 quilômetros da capital. A Casa Renascer, instituição sem fins lucrativos, possui mais de 400 filiados. No mês junino, os idosos escolheram o Estado como ponto de parada e a impressão que tiveram da praça de eventos de Itaporanga foi a melhor possível. “A decoração é muito linda. Realmente a cultura popular do povo nordestino pode ser vista aqui”, comentou o presidente da Casa, Mamede Gargur. Várias atividades educativas e de lazer são desenvolvidas na Casa Renascer, como aulas de teatro, danças de salão e coral. A programação da instituição também prevê visitas periódicas a asilos da Bahia, onde milhares de idosos não têm as mesmas oportunidades de lazer. “É uma época da vida que quanto mais a gente se ocupa, sobretudo com atividade de lazer, mais a nossa vida se prolonga”, afirma Mamede Gargur.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais