Jovens participam de Oficina Artística

0

Com o intuito de conhecer o público local e fazer um “mini” intercâmbio cultural, o Grupo de Dança

Oficina explorou movimentos corporais
1º Ato, aterrizou em solo aracajuano para apresentar o espetáculo “Geraldas e Avencas”. Mas antes da sociedade conferir o show, os dançarinos ofereceram, na tarde desta sexta-feira, 12, um workshop para jovens que gostam de dançar.

 

Alex Dias, um dos dançarinos do 1ª Ato, conta que a prática da oficina é realizada em todos os locais onde o Grupo se apresenta, para possibilitar uma troca de conhecimento entre as pessoas. “Não adianta a gente só se apresentar e no outro dia ir embora. O grupo gosta de conhecer seu público e dividir experiências”, afirma.

 

A oficina durou cerca de três horas e trabalhou com movimentos corporais. Alex explica que esse

Dançarido do Grupo, Alex Dias
tipo de workshop, faz com que o dançarino e quem gosta dessa arte, conheça seus movimentos e possa explorá-los de forma criativa. “Dançar é se expressar. Para se expressar é preciso se liberar e conhecer o que você é capaz de fazer com seu corpo”, completa.

 

O bailarino Rodolpho Sandes diz que é a segunda vez que participa de uma oficina oferecida pelo Grupo e que gosta da linha criativa utilizada. “Sempre que o 1º Ato vem para Aracaju eu participado das oficinas porque gosto do modo que eles

Rodolpho conta que é a segunda vez que participa
utilizam os movimentos”, conta.

 

Espetáculo

 

Os dançarinos apresentam o espetáculo Geraldas e Avencas, neste sábado, 13, a partir das 21h e no domingo, 14, às 20h, no Teatro Tobias Barreto.

Comentários